quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Ode à Esperança


Se escrevo é porque amo
E se amo é porque você existe
E este sentimento insiste
Em dar razão ao desarrazoado
E se há algo a não ser perdoado
É o pecado de não ter tentado ...